AGMP propõe interpelação judicial em defesa da atuação dos membros do MPGO

AGMP propõe interpelação judicial em defesa da atuação dos membros do MPGO

A AGMP propôs interpelação judicial em face de Luis Claudio Pereira, em razão dos ataques por ele proferidos contra os membros do MP-GO em manifestação dirigida à Ouvidoria.

O interpelado, morador de Jataí, sugere em sua manifestação que Promotores de Justiça do Estado de Goiás estariam em conluio com acusados de desvio de dinheiro público na gestão da Universidade Estadual de Goiás – UEG e do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego - Pronatec. 

Diante do caráter genérico e ofensivo da manifestação, a AGMP protocolou pedido em juízo com o propósito de obter explicações sobre as acusações, em especial se são direcionados para algum membro específico do MP-GO, a fim de possibilitar o manejo das ações cíveis e criminais em razão das ofensas proferidas.

A AGMP seguirá vigilante e continuará lutando em defesa de seus associados, por suas prerrogativas e direitos.

Voltar
Associação Goiana do Ministério Público
Rua T-29, esq. com a T-9, Setor Bueno
Cep: 74.215-050, Goiânia - Goiás.
Fone: (0xx62) 3285-6660
SAMP
Fone: (0xx62) 3274-3513
www.sampagmp.org.br